quinta-feira, 30 de julho de 2009

Tu y Jo

Ele notou
Ela sorriu

Ela de cabelos molhados
Ele de ressaca

Ela desentendida
Ele sabendo tudo

Os dois acharam que não.
Escoriações antigas faziam neblina

Ele atraído
Ela assustada

Ele encantado
Ela apaixonada

Eles querendo futuro
E os passados levados embora

E de tantos presentes
Tornaram-se somente deles.

5 comentários:

Wania disse...

Huummm, acho que alguém encontrou aquele lindo e bom livro do sebo, escondidinho no balaio do fim de semana e parece que vai lê-lo todinho!!!!!

Lindas releituras pra vocês!
Bjão!

CeciLia disse...

ai, ai, delícia de história, essa. Fica aqui, feliz por ti.
Beijossss

Nádia Lopes disse...

huuuuuuuuum que delícia de encontro, e só por que eu estou musical hoje aí vai: "quando a luz dos olhos teus e a luz dos olhos meus resolvem se encontrar....eu acho meu amor, e só se pode achar, que a luz dos olhos teus e luz dos olhos meus precisam se casar"...Amém!!!
beijo

Talita Prates disse...

LIN-DO!
Arrasou, mais uma vez, Luciane.
Bjo!

Renata de Aragão Lopes disse...

Que lindo, Lu!
Senti que falamos
algo meio parecido...
Beijo.