segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Coração na boca

Me espera que eu chego
e acalmo nosso dia no sorriso

Me espero e tu chegas
trazendo nossa força nas mãos

A casa, então, nos espera
como se espera o amante

Flores, aromas e poemas
Para uma vida nova
Feliz e forte

4 comentários:

fale com ela disse...

Adorei isso:
"Me espera que eu chego
e acalmo nosso dia no sorriso

Me espero e tu chegas
trazendo nossa força nas mãos"
.
.
.
Desculpa a indiscrição... mas tem um cheiro diferente por estas bandas, hein? Parece que eu sei o que é... ou não?

Wania disse...

Liiiiiiiindo... e Madu Lopes fecha como uma luva neste clima de flores, aromas, poemas e de coração na boca!

Um semana colorida pra ti, Lu!
Bjão

CeciLia disse...

Me espero e tu chegas...

hummm isso é lindo e verdadeiro, hein? A gente só recebe o outro quando soube buscar por si.

Adorei
Beijos com admiração

Luciane disse...

Eu espero que tu saiba o que seja isso sim...e já tenha sentido bastante e ainda venha a sentir MUITO! Essas bandas daqui andam sim, bem felizes. :) Bjão, querida!
***
Wania, amada. O Madu era perfeito mesmo. O espírito da pintura retrata fielmente o que anda acontecendo aqui "dentro". Beijos!
***
CeciLia, querida. Obrigada! É bem isso...a gente precisa se esperar para só depois receber o outro, não é?
Beijão para ti!